Postado por : Naraku segunda-feira, 7 de maio de 2018

A franquia certa com a desenvolvedora certa.

Dragon Ball FighterZ
©Bandai Namco Entertainment

Dragon Ball FighterZ – Ficha Técnica

Desenvolvedora: Arc System Works
Distribuidora: Bandai Namco Entertainment
Lançamento: 26/01/2018
Plataformas: PlayStation 4, Xbox One e PC.Gênero: Luta, Ação, Anime
Deixando de lado o estilo dos últimos jogos da série, Dragon Ball FighterZ traz toda uma nova mecânica ao estilo dos grandes jogos de luta 2d mais famosos.
Dragon Ball FighterZ

GRÁFICO

Os personagens, os cenários, os golpes; tudo na mais perfeita fidelidade aliado a gráficos INCRÍVEIS e com uma boa variação. A Arc System Works conseguiu criar uma ótima harmonia entre o 2d e o 3d, criando um game com um visual muito similar ao mangá. Em geral, o gráfico é estável e dentro do que se espera para um jogo de luta.
Dragon Ball FighterZ

Modos

O jogo possui os modos: história, partidas ranqueadas/casuais, arcade e 3vs3. Apesar do número limitado de personagens, o jogo traz uma boa variedade de golpes, combos, poderes, cenários e músicas.
Na sala inicial do game temos algumas missões diárias como “jogar X partidas ranqueadas” ou “Personalize seu Info-card”, a loja onde podemos comprar vários itens de customização, tanto para o personagem de sala quanto para as lutas em si.
Dragon Ball FighterZ
Dragon Ball FighterZ

Modo história

Aqui é a parte onde o jogo não me atraiu muito de início. As missões são repetitivas e entediantes, a história não chamou minha atenção por ser vaga e um pouco sem sentido (como na maioria dos jogos de luta “competitivos”), contudo, mais à frente (no terceiro arco) a história me despertou um certo interesse. Enfim, para a maioria, o modo servirá apenas para desbloquear a personagem exclusiva do game; a androide 21.

Jogando online

As partidas online foram a parte de maior destaque do jogo para mim. A empolgação que sentia ao ganhar aquelas disputas por ranking era sem igual. As disputas casuais e os ringues de batalha são outro ponto bastante interessante, pois cada jogador pode “abrir um ringue” e nele realizar “torneios” entre até 8 jogadores; também podendo assistir as lutas entre os demais.
Mais a parte de melhor destaque com certeza é modo 3vs3 que foi recentemente adicionado ao jogo por meio de uma atualização gratuita. Diferente dos outros modos de jogo, onde 2 jogadores com 3 personagens cada lutam, nesse temos 6 jogadores separados em dois grupos. Nesse modo a luta parece mais intensa, onde você pode ser chamado há qualquer momento para o combate o faz ficar ansioso e empolgado.

Considerações finais

Como citei nas primeiras impressões, não sou exatamente um fã de jogos de luta 2d e nem tinha grandes expectativas quanto ao jogo. Foi realmente bastante surpreendido, os modos de jogo são extremamente divertidos e com novos modos e personagens sendo adicionados o jogo só tem a melhorar com o tempo.
O jogo com certeza é um dos melhores games de anime do ano e com certeza vale a compra. PS: O jogo foi testado e analisado na plataforma PC, onde apresentou uma ótima performance.

Deixe seu Comentário:

Seu comentário é bem-vindo porque através dele você expressa o que está sentindo. Fico feliz e espero ansiosamente pela sua experiência compartilhada aqui no blog! Espero que tenha gostado, volte sempre <3

Assine as postagens | Inscrever-se para comentários

Todos os direitos reservados. © 2018 Ⓐnime e Ⓒafé